sábado, setembro 09, 2006

SAPATEIRA




Depois de alguns anos de experiencia, sou ainda por vezes, surpreendido com especimes vazios e desenxabidos.
Alguns "entendidos" dizem que se os voltarmos com as pernas para cima e estes as fecharem, estão cheios, outros, afiançam que levantando o abdomen das fêmeas e as "maminhas" se mostrem salientes estão igualmente cheias, outros ainda, que a ponta das pernas têm que estar rijas, se ao fazer pressão com a unha, sentir que está macio, então o bicharoco está vazio.

Na verdade, o que menos nos engana é o peso. Se estiverem pesadas há grandes probabilidades de estarem cheias. E se só compram fêmeas, pensando que só estas estão sempre boas, estão redondamente enganadas porque, muitas vezes são os machos que estão melhores. Pode distinguir os sexos pela simples observação da parte inferior. Na figura a fêmea é a da esquerda. Distingue-se a fêmea pelo tamanho do abdomen que é largo, enquanto que no macho é estreito.
Com santolas (de carne com sabor incomparávelmente superior) a escolha é muito mais complicada.Muitas vezes estão pesadas e depois de cozidas e abertas, chegamos à conclusão que estavam era cheias de água.



Primeiro, há que matar o bicharoco. Isto consegue-se despejando vinagre na boca, o que vai causar a morte da sapateira mais em cerca de meia-hora. Lave-as muito bem com uma escova, afim de retirar toda a sujidade que se acumula na parte inferior, após o que se mergulham em água fervente com bastante sal grosso, mais ou menos 60gr por litro(uma colher de sopa, rasa de sal tem cerca de 15gr). Se estiver ainda viva, ao sentir a água quente a sapateira tem tendência a soltar as pernas e a perder grande parte do seu interior, atraves desses orificios. Em cerca de 15 minutos depois de retomar a fervura, uma sapateira de tamanho médio, está cozida. Com uma escumadeira, retire a espuma que se forma à superfície e tire a sapateira da água, para que não fique demasiado salgada.



Agora, com as mãos, separe a carapaça e retire os pulmões, que são uns apêndices moles que se assemelham a plumas e se situam em redor do corpo. Quando abrir um destes crustáceos, irá reconhecê-los fácilmente.







Apare as carapaças esvazie-as, e com uma faca, corte o corpo ao meio no sentido do comprimento, depois faça mais dois ou três cortes transversalmente para dividir as pernas.








Pique com uma faca o que se encontrava no interior da sapateira, junte ovo cozido picado, um pouco de miolo de pão, maionese(não exagere), prove e rectifique sal, um pouco de pimenta e, se gostar do sabor não acrescente mais nenhum ingrediente.








Misture tudo muito bem e encha as carapaças com o preparado, decore com clara e gema de ovo cozido picados.
Pode pressionar a clara e a gema com o dedo, através de um passador de rede, como costumo fazer e está na imagem seguinte.




Enfeite com pikles picados, faça umas torradinhas e, delicie-se com esta requintada e relativamente económica, refeição de marisco.

E não esqueça: Só em último caso, e se tiver confiança no vendedor, as deve comprar já cozidas. Nunca se sabe o estado em que estavam quando foram cozinhadas. Deve sempre comprar estes espécimes bem vivinhos. Depois de mortos a deterioração é muito rápida e com riscos para a saúde.

36 comentários:

Mónica disse...

Belo petisco e lindas fotos mestre Kuka!

Parabéns...

Anónimo disse...

I understand your frustration about Save this , but chill it isn't good for your blood pressure.

Anónimo disse...

Nice Blog, some interesting info and thoughts, a bit radical for me at times but thats ok.

BB (O.ö) disse...

Enaaaa... Minhammm Minhamm..

Que apresentação!!

Parabens***

Elvira disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blogue.
Elvira disse...

Que delícia, Kuka! Este é um dos meus petiscos favoritos. À beira mar, com uns amigos e umas cervejas... Tão bom!

Paula disse...

Ficou linda, e devia saber ainda melhor!...

2pintas disse...

ahhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhh meste kuka! tou mesmo de boca aberta com esta deliciosa receita da sapateira!...adoro sapateira!e tem cá uma apresentação excepcional!
votos de boa continuação!

Pluma(princesavirtual) disse...

Hmmm parece delicioso. Faço um pouco diferente...
E as fotos estão exelentes, boas dicas!!!

Beijos (recatados) da Princesa

Sandra J. disse...

Ora,eu que não sou apreciadora de marisco fiquei com vontade de experimentar esta sapateira. E agora?(É que aqui não há...)
Bjs

Lurdes disse...

Tenho que confessar que não como sapateira... mas esta tem cá um aspecto... delicioso!!!! Beijinhos

trugia disse...

Meu deus! My good! Estou a salivar tanto que o Conputador corre serios riscos de curto-circuito.Belissimo blog, vou voltar muitas vezes.

Insolente disse...

n gosto de marisco, mas fica registada a sugestao... ora entao um grande bem haja

O Chaparro disse...

adoro. sapateira, berbigão, percebes, burries, lingueirão... Que fome!

Paula Nogueira disse...

Mestre,
És um querido mesmo...
Depois de eu vir de ferias ... ai as saudades do nosso tugal... ok... passando á frente...
Venho aqui ver as suas receitas deliciosas... que maravilha...
Parabens! É só coisas boas!
Bjs morenos... hehehe
Paula

Amélia disse...

Pois é Kuka,
Já não como isto há mais de 20 anos. Lembro-me de ter ficado muio mal disposta. Numa mais comi, nem me dá para pedir. Nem sei identificar que sabor será...
Mas fiquei curiosa. Apanhaste-me de surpresa.
Beijinhos

Pitucha disse...

Tá mal! Vem uma pessoa de um país de excelente marisco para um de mexilhões e chega aqui e dá de caras com isto? Mas em fotos. Só fotos. O que faço agora à agua na boca?
Beijos

Sorrisos da minha Alma disse...

Kuka explica-me a parte branca(uma das partes do recheio) é o que??

P.S adoroooo e faço mt vez, mas com este aspecto nunca!

Joana disse...

Uma ajuda:

Não consigo perceber onde fica a boca do bicho...

Mixikó disse...

bemmmmmmmmmmmmmmm...kuka...obrigada, estou para fazer um caril de sapateira que vi um amigo dai do Algarve fazer e comi...estav tão bom, mas tão bom, mas tão bom...

e precisava mesmo desses passos que ensinas...o resto...a ver se sai bem...beijos apetitosos

kuka disse...

A parte branca é clara de ovo cozido.

Voltas a sapateira e vais ver fácilmente a boca. É a única parte móvel. Excluindo as pernas e as pinças.

Obrigado ao restante pessoal.

Sorrisos da minha Alma disse...

Segundo entendi decoras então umas das partes com clara derretida no passador não é?

Baú da Conceição disse...

Adoro sapateira, mas nunca fiz por não saber prepara-la.com estas dicas acho que vou tentar.
Obrigado.

kuka disse...

Derretida? acho que não é o termo correcto. Cozes os ovos, separas a clara da gema e fazes passar ambos através do passador de rede.

Anónimo disse...

oi kuka... cheguei aqui, vi que tinha bom aspecto... fui ler mais um pouco e descobri: tivemos um amigo em comum, o Peter... :) Stressadinha

Sorrisos da minha Alma disse...

Kuka o meu mt obrigado.
Um beijo grande e bom fim de semana para ti.

kuka disse...

Obrigado Sorriso.

Stressadinha, será que é o mesmo Peter?

Karen disse...

Que delícia!

valentina disse...

Kuka, gosto muito dos teus posts. São todos excelentes. Este para mim é especial.Talvez porque seja uma grande apaixonada por caranguejos. Quero imprimí-lo e um dia comentar a minha opiniÃo após provar algo feito por mim mesma inspirada pelo teu post. És um genio!

Rui Pedro disse...

Coitado do bicho! Ainda por cima provavelmente nem sequer teve a oportunidade de petiscar uma sapateira recheada.

eu mesma! disse...

Gosto tanto de sapateira ou santola recheada... que até estou a ficar com água na boca....

Marta disse...

vou já imprimir, já já- dizem q a minha é boa, mas esta parece-me fenomenal
Bj

Baby disse...

Como eu te agradeço esta lição, Kuka, pois revelaste todos os segredos na preparação deste petisco!
Dou-te 5* pelos teus conhecimentos e pela maneira como os desvendas.
Bjo,
Baby

DrunkToad disse...

M

DrunkToad disse...

Boas. Muitos parabéns por todas as dicas e pelos pormenores das fotografias. Obrigado

Anónimo disse...

Luis Matos deixou um novo comentário na sua mensagem "SAPATEIRA":

Boas sou o Luis Matos, e prático caçasub, uma maneira de ver se o bichinho esta cheio ou acabou de trocar de casca é pelas unhas, se estiverem gastas, é sinal que esta cheia, cumprimentos.