sexta-feira, abril 07, 2006

FILETES DE PEIXE




Com clientes maioritáriamente de origem britânica,há que fazer algumas alterações na apresentação do peixe."Oh my God!"exclamam horrorizados,no exacto momento em que vislumbram os olhitos do «dito cujo».Bones,nem pensar!Então ao kuka só resta uma solução:degolar,espinhar e pelar os peixinhos para gáudio dos súbditos de sua Majestade.
É fácil.Com uma faca extremamente bem afiada e flexivel,começa pelo rabo e mantendo a lâmina junto à espinha,vai separando esta da carne.Com o filete assente numa superfície plana e fazendo deslizar a faca entre a carne e a pele,esta retira-se fácilmente.As espinhas,se não dispõe de uma pinça apropriada,podem ser retiradas com um alicate.Estes desperdícios(pele,cabeça e espinhas)metidos em água a ferver durante algum tempo e aromatizados com um ramo de cheiros,cebola,cenoura,sal e pimenta,fazem um excelente caldo(fumet)que pode ser utilizado na preparação de variados pratos de peixe ou marisco.Quanto mais tempo ferver,mais reduz o liquido e mais concentra os sabores e aromas.Depois de frio,fica com uma consistência gelatinosa e dura vários dias no frigorifico.
Agora aqui para nós que ninguém nos ouve,Acho que não são só os estrangeiros a gostar do peixe sem espinhas.Eu sou Tuga e gosto,e provavelmente você também.É muito mais simples e rápido grelhar um filete,do que o peixe inteiro.Perca a preguiça e,experimente.
Até com uma frigideira anti-aderente se grelha um filete,basta untar o fundo com um pouco de azeite ou óleo e meter aí o peixe,(em lume brando para não estragar a sertã)se não for muito grosso,em 2 ou 3 minutos está pronto a comer.

11 comentários:

Paula Nogueira disse...

Pois é mestre... eu prefiro peixe a carne e posso lhe dizer que... me deixou com água na boca... e olhe que eu não ando a comer muito mas este peixinho parece delicioso!
Estou á espera dos meus filhotes voltarem para fazer com eles a sua receita dos morangos... só delicias só delicias!
PARABENS AO CHEFE!!!!!!!!!

Bífido disse...

Epá... estes dois ultimos pratos deixaram-me com agua na boca, principalmente a receita da avó! :)

Pluma(princesavirtual) disse...

Olá Chefe kukinha :)

estive a ler os teus dois ultimos posts (tenho andado com algum trabalho o que não me deixa muito tempo para as minhas visitas) e confesso que gostei particularmente do post dos «rojões». Não pela receita em si (que também aprecio) mas pela descricção de outros tempos a «temperar» o post. Uma deliciaaa :)
Quanto a estes dos «filetes» sendo eu uma preguiçosa a comer peixe, que não sei arranjar (ainda hoje a minha mãe ralha comigo) e blá blá...deveria apoiar esta ideia...
Na Na quero o peixe completo no meu prato!!! Com olhinhos,espinhas figado e todas aquelas coisas escuras (que nunca como). Acho que o peixe fica mais seco dessa forma...hmmm posso estar enganada..
Beijos (recatados)

O Chaparro disse...

oi, mestre kuka. tdo bem?
Peixe escalado é bom e se se tirar tdas as espinhas melhor.
sabes alguma receita com cogumelos naturais?
esses cogumelos é só lavar e partir as fatias?
deram-me mas eu nunca fiz nem arranjei. so de lata. obrigado.

Didas disse...

Ah pozé! Sem espinha dá outra pica! :)

Sandra J. disse...

Eu também gosto muito de peixinho e o meu peixeiro faz os filetes ;))
Costumo usar as sobras para fazer tipo caldo de peixe e congelo em cubinhos para depois ir usando. Sei que não é tão bom mas dura mais...
Bjs

kuka disse...

chaparro,utiliza do mesmo modo que os de lata,deixas cozinhar mais um pouco.Sandra,eu faço a mesma coisa no restaurante com os caldos de carne,mesmo congelados ficam muito bons.Até já tirei fotos para postar aqui.

kuka disse...

Chaparro,tem cuidado com os cogumelos.Têm de ser apanhados por pessoas conhecedoras.Eu não conheço,por isso só como de cultura.Por vezes é conveniente retirar uma fina pelicula que os envolve,com a ponta da faca pela-os.De qualquer maneira tens de os lavar muito bem.

O Chaparro disse...

obrigado, kuka.

Anónimo disse...

es mesmo feio

Anónimo disse...

És lindo:D